Conheça o tradicional Haxixe Nepalês e aprenda como fazer o seu próprio haxixe em casa

O Haxixe é uma extração feita das flores da maconha, mas a forma como a extração é feita, o uso de solventes e as strains utilizadas podem mudar completamente o formato, cor e gosto do Haxixe. Por esse motivo existem tantos tipos diferentes de Haxixe. 

Já falamos de alguns destes tipos e hoje é a vez do Haxixe Nepalês Sticky. Vamos falar sobre as características de hash, como ele é produzido, a origem da maconha no Nepal e tudo que você precisa saber para identificar esse tipo de hash.

O Haxixe Nepalês pode ser confundido com o Afegão ou o Charas Indiano. Por isso também vamos explicar as diferenças e características de cada haxixe, além de contar as formas tradicionais de usar essa extração!

Vem com a gente!

Origem do Haxixe no Nepal

A cannabis é cultivada em todas as partes do Nepal, onde o clima permite uma longa temporada de cultivo da planta. Assim como as montanhas vizinhas, Indocuche e Himalaias a maconha já crescia livremente por aí há milhares de anos.

A cannabis era usada de forma cultural e ritualística, era celebrada por algumas religiões e também usada como medicamento caseiro. O Haxixe Nepalês Sticky ou nepalês-pau é um dos melhores haxixes disponíveis no mercado, sua fama existe desde o século 16, quando médicos europeus constataram o uso da cannabis como medicina no Nepal.

O uso medicinal da cannabis no Nepal está diretamente ligada com a medicina ayurvédica. Já os rituais envolvem ofertar o haxixe, muitas vezes consagrados em um instrumento de madeira semelhante ao cachimbo e conhecido como Chillum, para os deus hindu Shiva.

haxixe nepales sticky
Foto: SensiSeeds

 A Ásia central é o berço da maconha e antes do proibicionismo o uso da maconha era comum, tanto nos rituais dos nativos como também por turistas, mochileiros e hippies que percorriam a Ásia, principalmente a Rota da Seda, atrás das espécies de maconha de melhor qualidade.

A Rota da Seda, Trilha Hippie ou em inglês The Hippie Trail foi um percurso feito por jovens entusiastas da cannabis nas décadas de 60 e 70, o auge da contracultura. O caminho da Europa até o sudeste asiático atravessava os Cáucasos, as montanhas do Afeganistão, Paquistão, Nepal, em destaque as montanhas de Pokhara e finalmente Índia

Durante essa época, esses países eram muito atrativos para os turistas aventureiros e a cannabis tinha muito impacto na economia. O uso da cannabis como substância recreativa era visto como algo natural.

Em 1937 os Estados Unidos já tinham proibido a maconha com o Marijuana Tax Act e em 1961, na Convenção Única de Entorpecentes, os países membros da ONU acordaram em proibir o cultivo e produção de qualquer substância considerada pela comissão como droga sem nenhum caráter medicinal.  

A pressão pela proibição internacional foi enorme e hoje sabemos que outros interesses, além da saúde da população, existiram. Atualmente a ONU retirou a cannabis da lista de substâncias psicoativas sem nenhum uso medicinal, porém, há muitos anos as pesquisas com cannabis estão sendo feitas nas sombras, pois as legislações de muitos países são proibicionistas e não permitem que os benefícios da maconha sejam usufruídos pela população. 

A maconha é legalizada no Nepal?

Sob pressão da política internacional de drogas em 1973 o Nepal cancelou as licenças de todas as lojas, comerciantes e fazendeiros de maconha. O uso pessoal, cultivo e  comércio foram proibidos e a cannabis se tornou totalmente ilegal no país pela Lei de Narcóticos.

No entanto, como já dito anteriormente, o uso medicinal e religioso da cannabis era muito importante no Nepal e continuou existindo de forma irregular ou não oficial. As plantas de maconha cresceram de forma selvagem no país e o governo acabou fazendo vista grossa para o uso cultural de Haxixe, Cannabis e Cânhamo no Nepal.

Com a descoberta das diferentes propriedades da cannabis, muitos países estão flexibilizando as leis relacionadas a maconha e encarando a plantinha com outros olhos. O Nepal é um desses países. 

Em 2020 os membros do Parlamento Nepalês introduziram um novo projeto de lei apresentado pelo deputado Sher Bahadur Tamang. O projeto de lei prevê a criação de um setor formal de cannabis medicinal e industrial, trazendo para legalidade a cultura e o uso medicinal já existente no país por séculos. 

Dentro das propostas de leis está previsto dispensar licenças para o cultivo de cânhamo, que deve ser utilizado para produzir alimentos e outros fins industriais. O projeto de lei também limitaria a quantidade de THC das plantações para 0,2%, seguindo as diretrizes atuais da União Européia e os estudos que consideram a planta não psicoativa quando os números de THC são menores de 0,3%.

Há alguns críticos à ideia de impor um limite de THC nas plantações de maconha do Nepal, pois assim como os outros países da região, o país possui Landraces, ou seja, espécies nativas com genéticas puras. Ao determinar um limite de THC os fazendeiros canábicos devem importar sementes e acabar mesclando as genéticas originais.

De qualquer forma, o projeto de lei é um passo a mais na luta mundial por uma política de drogas mais justa e uma forma de regulamentar o uso da maconha e permitir que medicamentos e produtos feitos à base de cânhamo alcancem mais pessoas.

Como fazer o Haxixe Nepalês Sticky?

A produção do Haxixe Nepalês Sticky é quase igual ao Charas Indiano. Os tricomas são extraídos esfregando cuidadosamente as flores entre as mãos e deixando resina nas mãos. Essas resinas são juntadas formando bolas que depois são transformadas em tiras que lembram pedaços de pau, que é o Haxixe Nepalês Sticky.

“Sticky” significa madeira em português e o formato do Haxixe Nepalês Sticky que dá esse nome ao Haxixe. Existem outras formas e tipos de Haxixe que falamos por aqui! O mais conhecidos são o Haxixe Ice, Dry Sift e Temple Ball.

O Haxixe Charas pode ser feito em casa, de forma manual e artesanal, o que vai mudar de fato a qualidade do hash e definir se vai ser um Nepalês Sticky original além do formato é a strain!

As strains originais do Nepal são majoritariamente sativas e com muitas resinas, por isso o Haxixe dessa área é tão especial! As mais conhecidas são Nepali e Nepali OG. 

Características do Nepalês Sticky

nepales sticky
Foto: High Times
  • Cor: Preto por fora, marrom escuro por dentro.
  • Cheiro: O cheiro do Nepalês é bem forte. Picante e doce. Os terpenos  dessas strains são terrosos e doces.
  • Consistência:A textura é geralmente um pouco mais dura do que o haxixe afegão. Ainda será suave o suficiente para ser amassado só com as mãos. Muito difícil de dixavar devido à sua consistência pegajosa. Fica pegajoso o tempo todo, mesmo depois de secar.
  • Potência: É um dos tipos de haxixe mais potentes. Dizem que os melhores haxixes do mundo vêm do Nepal.
  • Disponibilidade: Normalmente o haxixe Nepalês é muito caro. Em Amsterdã o melhor haxixe que você encontrará em coffee-shops quase sempre será Nepalês. É relativamente raro de se achar o original, mas quando encontrado pode ter certeza de uma excelente experiência.
  • Efeitos: Os efeitos do Haxixe Nepalês são bem fortes! Bastante físicos, esse tipo de haxixe não é recomendado para ser usado à noite. Ele é ideal para uma brisa criativa e ativa. 

O haxixe nepalês é muito semelhante ao afegao, mas as diferenças nas características são essenciais para não confundir os dois tipos de Haxixe.

Formas de consumir o Haxixe Nepalês Sticky

O Haxixe Nepalês pode ser consumido de diferentes formas. Em um baseado, vaporizador ou Bong, mas a forma mais comum de consumir hash no Nepal é através do Chillum. 

Para bolar um tradicional beck de haxixe é necessário misturar a resina com alguma matéria orgânica como flor ou tabaco. Lembramos sempre que o tabaco torna o uso da maconha mais nocivo e para isso existem algumas estratégias de redução de danos como o uso de piteiras longas e filtros para tabaco. O filtro não diminui a brisa e torna o uso mais seguro!

E aí, entenderam tudo sobre o Haxixe Nepalês? Será que vocês já conseguem diferenciar cada tipo de haxixe? Fiquem ligados nos textos do Mapa da Maconha que vamos explicar direitinho as características de cada tipo de Haxixe!

E se ficou alguma dúvida relacionada ao Haxixe Nepalês Sticky deixa nos comentários!

jQuery('#cb-section-b .cb-module-e').after('');