Conheça o haxixe mais popular do Brasil e saiba como identificar suas características.

 Haxixe é a extração dos tricomas, ou cristais, da planta. Já escrevemos aqui uma série de textos sobre diferentes tipos de haxixe. A forma de extração, strain e local de produção pode mudar o tipo de hash, por isso existem tantos nomes!

Mas depois de entender como funciona cada técnica é fácil notar as diferentes características e, então, entender os nomes. O Bubble Ice, por exemplo, é um haxixe extraído com gelo. Já o Dry Sift é um haxixe extraído e peneirado a seco. O Haxixe Marroquino é um Dry Sift feito no Marrocos, mas as formas mais tradicionais de fazer haxixe estão na Ásia Central: Índia, Nepal, Afeganistão e Paquistão.

Neste texto vamos falar sobre o Haxixe Paraguaio, também conhecido como Haxixe Uva ou Preto. Esse tipo de Haxixe tem uma qualidade bem inferior que o outros tipos produzidos na Ásia, Norte da África ou Estados Unidos. Isso porque a política de drogas no Brasil não permite o cultivo para uso pessoal de maconha. 

Hoje, depois de muita luta, temos algumas associações e famílias que conseguiram uma autorização para cultivar maconha para fins medicinais, porém essas plantas são usadas para produzir óleos de CBD, que não são psicoativos. É muito raro encontrar cultivos bem feitos no Brasil e a única landrace brasileira, a Manga Rosa, não dá conta de suprir todo o território brasileiro.

Assim fica bem difícil achar uma flor de qualidade no país, imagina só uma extração!?

haxixe preto
Foto: Wikipedia

Por isso, chega tanta maconha prensada do Paraguai! Apesar da produção ser escassa no país, o proibicionismo não consegue fazer com que os usuários deixem de existir. Os usuários continuam buscando alguma forma de consumir maconha e ao invés de encontrarem uma maconha de qualidade, com a genética, porcentagem de THC e de CBD conhecidas, encontram a maconha prensada.  

No caso do Haxixe, o Preto acaba sendo uma opção mais financeiramente acessível já que ele é produzido de flores de menor qualidade e no Paraguai, um país vizinho ao Brasil.

Neste texto vamos entender a diferença do Preto e dos outros tipos de haxixe e como fazer o Haxixe Paraguaio.

Vem com a gente!

O que é o Haxixe Preto

Haxixe Preto é um tipo de haxixe comum no Brasil de coloração negra. Fruto do extrato da planta inteira, o Preto é diferente de outros tipos de haxixe que são feitos a partir da extração dos buds. O uso da planta inteira diminui a qualidade do hash, pois aumenta a quantidade de matéria vegetal.

Uma das coisas mais fascinantes do haxixe é o gosto da resina, cheia de terpenos. Um haxixe feito com matéria vegetal, além de resina, tem outras substâncias como clorofila, o que compromete esse gosto fantástico e, claro, a concentração de THC.

O Haxixe Paraguaio também é conhecido como Uva, isso porque a sua coloração é preta por fora e de roxo escuro a vermelha por dentro. Além da cor, ele é um haxixe poroso, que quando comercializado em bolas, lembra a um cacho de uvas. 

Como o Haxixe Paraguaio é Feito

Originalmente, o Haxixe Preto é feito artesanalmente, usando apenas a mão e as plantas, assim como o Charas original da Índia e do Paquistão. O Charas é um haxixe tradicional da Ásia Central e é usado inclusive em rituais religiosos.

Apesar da forma de fazer ser parecida, o processo de produção do Haxixe Paraguaio não é tão cuidadoso e a planta inteira é usada para fazer a extração. Como dissemos antes, o uso da planta inteira faz com que o haxixe perca a qualidade pela quantidade de substâncias da matéria vegetal que irá para o haxixe.

Hoje em dia existe uma outra forma de fazer o Haxixe Paraguaio com solventes. Essa  forma de fazer deixa de ser um haxixe e passa a ser uma extração. A extração oferece alguns riscos.

haxixe uva

As substâncias usadas podem ser nocivas à nossa saúde e se o processo de secar o hash não for bem feito, o usuário pode acabar ingerindo o solvente utilizado na extração. Porém, para render mais e pela velocidade na produção, algumas pessoas começaram a fazer um solvente para obter o Haxixe Preto.

Essa forma de fazer o Haxixe Uva é usando álcool de cereais. Neste método o trim, como as folhas do bud são chamadas, são colocadas dentro de um pote de vidro com álcool isopropílico.

Depois de  peneirar a substância e extrair o solvente, o haxixe deve secar. Após secar ele pode ser fumado com alguns cuidados como o uso de piteiras ou dabbers.

Como usar o Haxixe Preto

O Haxixe Preto pode ser misturado com tabaco ou erva e enrolado no baseado comum. Algumas formas de reduzir danos podem tornar o uso desse tipo de haxixe mais seguro. 

Evitar o uso de tabaco é uma delas, mas a mais importante é o uso de piteiras.

Quanto mais longas, melhor. O uso de piteiras de vidro também protegem os dentes e a nossa garganta da fumaça quente.  

O uso de filtros pode acompanhar o uso de piteiras e isso não mudará o gosto de haxixe nem a quantidade de THC, mas tornará o uso mais seguro.

O Haxixe Uva também pode ser fumado no Bhong e nas suas formas mais tradicionais no Chillum. Caso o Haxixe Uva seja em forma de extração, ele pode ser usado em um Dab ou também vaporizado.

Conclusão

Provavelmente o tipo de haxixe mais popular e acessível no Brasil, o haxixe Paraguaio normalmente é vendido em pequenas esferas.

O haxixe paraguaio é o mais comum e barato achado na América Latina. Sua qualidade irá depender completamente do processo usado na sua manufatura e as plantas usadas como matéria prima. 

Além do uso de matéria vegetal, outro problema do Haxixe Paraguaio encontrado no Brasil é que o seu armazenamento e transporte é feito muitas vezes de forma precária, muitas vezes ele é contaminado por fungos ou misturado com substâncias sintéticas para “render” mais. Nem precisamos falar que fumar um hash nessas condições pode ser super prejudicial à saúde e deve ser evitado.

Uma técnica para saber a qualidade do haxixe é passar o isqueiro por ele. Quanto mais borbulhar, melhor a qualidade. Se a textura ficar borrachuda, melhor escolher investir em outro haxixe.

Não conseguimos falar muito sobre este tipo de haxixe pois ele irá variar muito dependendo de quem o produziu, com que plantas produziu e como o embalou e transportou. O haxixe paraguaio pode ter uma boa qualidade se seu processo de fabricação for bem feito, mas não espere nada de mais quando comparado a um marroquino ou paquistanês.

Como não sabemos a forma que o Haxixe Uva tem sido extraído atualmente, nem as substâncias que misturam nele ou falhas no armazenamento e transporte, acreditamos que a melhor forma de obter um Haxixe nesta textura e qualidade é fazendo o seu próprio haxixe, de plantas autocultivadas.

Com um cultivo caseiro é possível produzir uma quantidade o suficiente de plantas para fazer um haxixe de forma artesanal, usando apenas as mãos, para si mesmo. 

Conte para gente nos comentários se você já fumou um Haxixe Preto e o que achou da qualidade dele

jQuery('#cb-section-b .cb-module-e').after('');